1. Clínica
  2. Tratamentos
  3. Equipe
  4. Tecnologia
  5. Blog
  6. Marque sua consulta
Marque sua consulta

Blog

imagem do poste do blog

Depilação a Laser: dúvidas mais comuns

, ,

Provavelmente você é daquelas pessoas que preferem ficar livre dos pelinhos indesejáveis que insistem em nascer pelo corpo. Por ser o método mais duradouro para essa eliminação, a depilação a laser tem dominado a preferência de quem busca resultados de excelência.

 

Mas, como todo procedimento estético, é normal que surjam algumas dúvidas a respeito desse tema. Por isso, listamos abaixo as dúvidas mais comuns sobre a depilação a laser e vamos explicar uma por uma para você!

 

A depilação a laser dá resultados já na primeira sessão?

Sim! Os resultados da depilação a laser já podem ser percebidos desde a primeira sessão. Mas calma, não fique achando que após a primeira sessão ficará livre dos pelos. O processo de destruição do pelo é gradual a cada sessão, por isso geralmente são indicadas até 10 sessões, dependendo da área e tipo de pelo.

A depilação a laser é um processo progressivo, pois os pelos são “destruídos” quando estão na fase de crescimento. Mesmo em uma área com poucos fios, nem todos estão crescendo ao mesmo tempo. Por isso a cada sessão, somente uma quantidade de fios é eliminada.

 

O método a laser é definitivo?

Por mais que os resultados sejam prolongados, é incorreto chamarmos a depilação a laser de definitiva. Isso porque, por fatores hormonais, alguns pelos, mesmo que poucos, podem voltar a nascer. Por isso, são indicadas sessões periódicas de manutenção, para inibir esse novo crescimento.

Para que os resultados sejam os mais duradouros possíveis, é muito importante a escolha da tecnologia certa e de um bom profissional para realização do tratamento.

 

Depilação a laser dói?

Essa questão varia muito de acordo com a sensibilidade do paciente, já que uns são mais resistentes e outros mais intolerantes a dor. Mas, por trabalhar com ondas luminosas que causam efeito térmico na pele, a depilação a laser causa sim um certo desconforto.

Mas a sensação de incômodo é sentida somente durante a sessão. No período após o procedimento ela não acontece. O que às vezes pode ocorrer é vermelhidão e irritação, em alguns casos, principalmente nas pessoas mais sensíveis.

Essa sensação, além de variar conforme a sensibilidade, varia também de acordo com o equipamento e tecnologia utilizados, já que alguns já são criados pensando em minimizar a dor e aumentar o conforto durante a sessão, como é o caso do nosso protocolo de depilação a laser em que utilizamos um exclusivo sistema de resfriamento local, que causa um efeito anestésico na pele.

 

A depilação resolve foliculite?

A foliculite é a inflamação dos folículos pilosos, estruturas nas quais os pelos nascem e crescem. Essa inflamação é motivada por infecção bacteriana, fúngica, viral ou até mesmo pela inflamação de pelos encravados. Esse problema cutâneo se manifesta em formato de pequenas bolinhas vermelhas, salientes que podem apresentar também pus, parecendo pequenas espinhas.

Por se tratar de um problema que acomete os pelos, ao se realizar a eliminação dos mesmos através da depilação a laser, a foliculite pode sim ser atenuada, ou até mesmo, eliminada, causando um grande alívio para quem sofre com esse problema, que pode causar coceira e dor na região afetada.

 

A depilação a laser em pele negra é possível?

É sim! Hoje em dia, há equipamentos mais modernos em que é possível regular o comprimento e a intensidade da luz. Dessa forma, permitem que os tratamentos sejam eficientes e seguros para qualquer tipo de pele.

 

Fazer depilação íntima a laser dói?

A sensação de dor varia de pessoa para pessoa. A região íntima normalmente é mais sensível do que as demais. Além disso, os pelos da região são mais grossos, o que faz com que o laser seja mais absorvido pela melanina do pelo. Isso pode sim fazer com que o desconforto seja maior.

Mas, em compensação, pela absorção ser maior, o tratamento nessa região tem resultados mais rápidos e perceptíveis com menos sessões.

 

Depilação deixa a pele escura?

Em situações normais não! A depilação a laser pode causar manchas e deixar a pele mais escura somente em casos em que houver intercorrências, como as queimaduras.

Já outros métodos de depilação (como cera, lâmina e cremes depilatórios) tem mais chances de escurecimento da região, já que podem causar atrito, lesão, irritação e fricção na área depilada. Isso pode causar, como consequências a longo prazo, a hipercromia (aumento localizado do tom da pele).

 

A depilação a laser clareia a pele?

O objetivo da depilação a laser não é clarear a pele e sim eliminar os pelos. Mas, a diminuição dos fios faz com que os outros métodos de depilação vilãos do escurecimento da pele, como os citados acima, parem se ser utilizados. Isso faz com que as agressões à pele da região diminuam e a tendência é que ela fique com o tom mais uniforme.

 

Enfim, essas são algumas das dúvidas mais comuns que ouvimos sobre depilação a laser. Caso tenha outras dúvidas, mande-nos uma mensagem.